Thórus Engenharia
Powerline vale a pena?

blog

powerline

Powerline vale a pena?

Em tempos de home office e reuniões por vídeo chamada estar preparado é fundamental. Por isso, uma conexão estável de internet é importante para evitar imprevistos durante o trabalho ou reunião. O powerline pode ser um aliado para você e vamos te explicar porquê.

O que é o powerline?

Também conhecido pela sigla PLC (Power Line Communication) o aparelho distribui a internet pela casa através da rede elétrica. O powerline funciona como um distribuidor de sinal de banda larga, transformando as tomadas em pontos de acesso de rede.

O procedimento é simples: basta conectar um cabo ethernet ao roteador e ao dispositivo adaptador do powerline, que deverá ser ligado em uma tomada. Outro adaptador deve ser conectado em uma tomada distante do roteador e pronto, se torna um ponto de acesso a rede.

A transmissão de dados da rede utiliza uma faixa que varia entre 1 Hz e 30 Hz, já a da energia varia entre 50 Hz e 60 Hz. Dessa forma, as duas transmissões podem ser feitas pela rede elétrica sem interferência.

Quais são as vantagens?

Como a transmissão é feita pela rede elétrica, o powerline não encontra problemas em sua disseminação pela casa. Paredes grossas e longas distâncias não são um problema para o dispositivo.

Outro ponto positivo do uso do dispositivo é não necessitar passar longos cabos de rede pela casa ou empresa. Automaticamente, menos furos nas paredes e complexidade na instalação. O consumo de energia do dispositivo também é reduzido comparado à um repetidor de sinal, por isso, a alteração no valor da conta de energia será mínima.

Repetidor x powerline

Os repetidores de sinal são comuns e você provavelmente deve estar se perguntando qual dispositivo é melhor. A primeira coisa é entender que eles funcionam de forma diferente e possuem condições de uso diferentes.

Como os repetidores utilizam a rede wi-fi para conexão e disseminação da internet pode sofrer com interferências de distâncias longas ou muitas paredes espessas. Por isso, funciona melhor em locais menores.

Já o powerline, por funcionar pela rede elétrica, sustenta bem a conexão para distâncias mais longas, sofrendo menos interferências. Vale ressaltar que a capacidade do dispositivo pode ser afetada quando utilizado em filtros de linha ou estabilizadores. Priorizes deixá-lo sempre em uma tomada exclusiva.

Um ponto negativo do powerline é a necessidade de que as tomadas estejam conectadas ao mesmo circuito elétrico, ou seja, ao mesmo disjuntor. Isso limita o alcance do dispositivo, já que, em muitos casos, os circuitos elétricos são divididos em um mesmo empreendimento.

Quanto custa um powerline?

Os valores de um powerline variam entre 100 e 300 reais, dependendo do fabricante e das informações técnicas. Você encontra os dispositivos em kits com os dois adaptadores, ou então com apenas um para aumentar seus pontos de rede. Além disso, os modelos variam entre saída apenas para cabo de rede ou transmissão wi-fi. A vantagem dos dispositivos com wi-fi é o uso em aparelhos como smartphones e tablets.

Quer estar sempre por dentro de novidades e dicas? Assine nossa newsletter!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Continue lendo:

GOSTOU DO CONTEÚDO?

Se inscreva na nossa newsletter​

A cada duas semanas, um conteúdo exclusivo em seu e-mail