Thórus Engenharia
Etiqueta PBE Edifica: o que é e como obter?

blog

Etiqueta PBE Edifica: o que é e como obter?

Integrando o Programa Brasileiro de Etiquetagem (PBE), a etiqueta PBE Edifica tem a função de determinar o nível de eficiência energética de um edifício. Ela foi desenvolvida após uma parceria entre o INMETRO e a ELETROBRAS/PROCEL Edifica em 2009.

Mas afinal, para que serve uma etiqueta?

As etiquetas são responsáveis por evidenciar se um equipamento ou empreendimento estão atendendo requisitos de desempenho e seguindo normas e regulamentos técnicos. Cada etiqueta tem uma função específica, mas sempre irá se basear no pressuposto de desempenho.

Diferente da PBE Edifica, a Etiqueta Nacional de Conversação de Energia (ENCE), popularmente conhecida, classifica a eficiência energética de equipamentos, veículos e também de edificações. A classificação é representada por faixas coloridas, que vão de “A” (mais eficiente) até a “E” (menos eficiente).

Qual a função do Programa Brasileiro de Etiquetagem?

O PBE é o programa que “abraça” todas as etiquetas e tem a função de avaliar o desempenho e divulgar informações sobre eficiência energética. Agora que você já sabe qual a função de uma etiqueta e do Programa Brasileiro de Etiquetagem, vamos falar sobre a etiqueta PBE Edifica.

Etiqueta PBE Edifica, o que significa?

Como dito lá no começa, essa etiqueta se refere a edifícios, sendo relacionada a três categorias: edificações comerciais, edificações de serviços e públicas e edificações residenciais. As residenciais podem ter três tipos, unidades habitacionais autônomas (apartamentos e casas), edificações multifamiliares e áreas de uso comum.

Leia também: Edifício inteligente: a humanização da tecnologia proporcionada pela Neomot

Qual a importância de etiquetar?

Por dois motivos: primeiro, às vezes é obrigatório. Em edifícios de Administração Pública Federal, a etiquetagem é exigência desde 2014. Segundo, e mais importante, com a etiquetação a pessoa que está em busca de um edifício, seja residencial ou comercial, consegue comparar a eficiência energética dos imóveis, e avaliar qual vale mais a pena. Assim, o PBE Edifica fomenta o consumo sustentável de energia.

Como posso conseguir a Etiqueta PBE Edifica?

Para conseguir uma etiqueta em totalidade, é preciso avaliar todos os sistemas requeridos nos regulamentos técnicos. Mas para conseguir uma em parte, é necessário seguir os pré-requisitos e avaliar um ou dois sistemas requeridos.

Vale ressaltar que, a etiqueta PBE Edifica tem duas vertentes: a RTQ-C, para prédios comerciais e de serviços públicos. E a RTQ-R para unidades habitacionais autônomas, edificações multifamiliares e áreas de uso comum.

A RTQ-C avalia a envoltória, iluminação e condicionamento do ar. Já a RTQ-R avalia a envoltória, sistema de aquecimento de água e áreas comuns dos edifícios multifamiliares. Outros tópicos que influenciam para conseguir a etiqueta são: racionalização de água, energias renováveis, elevadores e aquecimento solar da água.

Por isso, se você deseja obter a etiqueta em seu empreendimento, se atente a esses tópicos.

Nova proposta de método de avaliação da etiqueta PBE Edifica

Em 2017 o PROCEL Edifica, juntamente com o Centro Brasileiro de Eficiência Energética em Edificações (CB3E), lançou uma nova proposta de método para a avaliação do desempenho energético das edificações com base no consumo de energia primária. Uma das mudanças principais na nova proposta é a classificação de climas brasileiros em 24 Grupos Climáticos, em vez de apenas oito Zonas Bioclimáticas, indicadas pela Norma Brasileira NBR 15220.

A nova proposta ainda não entrou em vigor, mas já está disponível para consulta pública. Que tal já se preparar? A proposta pode ser acessada clicando aqui.

Se esse texto foi útil para você, compartilhe! Aproveite e se inscreva na nossa newsletter abaixo.

Imagem de Capa: PBE EDIFICA

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Continue lendo:

GOSTOU DO CONTEÚDO?

Se inscreva na nossa newsletter​

A cada duas semanas, um conteúdo exclusivo em seu e-mail