Skip to content

Melhoria de rede: O que é preciso para a ligação definitiva de energia na CELESC?

Você está chegando nas etapas finais da obra e a data de entrega do seu edifício se aproxima. Nesta reta final há muito com o que se preocupar: finalização das instalações e nos detalhes dos acabamentos, a vistoria do corpo de bombeiros e a liberação do Habite-se. Além destes, há um outro item que costuma surpreender os construtores: a solicitação da melhoria de rede pela concessionária para ligação definitiva da energia elétrica.

Já pensou fazer a inauguração do seu empreendimento sem a ligação de energia definitiva? E não poder entregar os apartamentos porque a situação não está regularizada na Celesc?

Acredite, este problema é recorrente nas obras de edifícios residenciais. No post de hoje, vamos explicar passo a passo o que deve ser feito e como é possível adiantar o processo para não ter esta dor de cabeça lá adiante!

Ligação definitiva: passo a passo.

A Celesc oferece à disposição do sistema PEP – Projeto Elétrico Particular, que funciona como uma plataforma eletrônica para envio de projetos elétricos para análise. Lá se encontra a disposição um fluxograma mapeando o processo para estas solicitações.

FAZER DOWNLOAD DO FLUXOGRAMA

Abaixo, descrevemos os itens primordiais do fluxograma:

Aprovação de projeto

O primeiro passo é ter o projeto de entrada de energia aprovado na Celesc. Durante todo o processo de aprovação, o projeto recebe um número de protocolo. Esse número será importante nos próximos passos. Sempre solicite ao seu projetista o número do protocolo do seu projeto. Inclusive, a Celesc disponibiliza um link onde você pode acompanhar o processo de aprovação, apenas inserindo o número do protocolo através deste link.

Projeto aprovado

Quando o projeto é aprovado, o cliente e o projetista recebem uma carta de aprovação. Guarde-a, ela será importante. Obs: caso o projeto seja atualizado no sistema após já ter sido aprovado, haverá mais de um número de protocolo.

Troca de padrão para análise de rede

Este é o ponto onde normalmente surgem dúvidas: mas a concessionária não analisa a situação da rede de distribuição durante a análise de projeto?

Esta análise da capacidade da rede em relação ao aumento de carga, ocasionado pelo empreendimento, só é realizada quando solicitada a “Troca de padrão ou ligação nova” para o número de protocolo do projeto aprovado, explicado acima.

O processo neste estágio é pouco intuitivo, afinal de contas é necessário ir até a concessionária e pedir uma troca de padrão – do medidor do canteiro de obras, para o medidor do condomínio, por exemplo. Porém o que precisamos é que seja feita a análise de melhoria de rede.

Esse momento é extremamente importante.Para solicitar a troca de padrão, é necessário ir até a Celesc levando consigo os seguintes documentos:

  • Carta de aprovação do projeto, e das atualizações do mesmo (caso houver);
  • Procuração para pessoa jurídica ou física;
  • RG e CPF do procurador (originais);
  • RG e CPF do representante legal (original ou cópia autenticada);
  • Contrato Social + alterações / Estatuto + Ata de nomeação (cópia autenticada ou originais);
  • Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (cópia ou original).

Importante!! A concessionária recomenda que isso seja feito pelo menos 120 dias antes da data desejada de energização do empreendimento. Porém é possível, e recomendamos, que seja adiantado até 12 meses antes da entrega, pois alguns contratempos podem surgir na execução da obra.

Análise de rede

Depois de solicitada a troca de padrão, o número de protocolo do projeto vai para o setor de redes da concessionária. Neste momento, a Celesc faz um estudo e é possível que a rede esteja adequada e não seja necessária nenhuma obra. Caso contrário, é necessário fazer a “Ampliação de rede”, isso significa que a concessionária precisará trocar alguns postes, transformadores ou cabos. Essa obra tem um custo e será dividida com a construtora, mas antes disso é elaborado um orçamento e um contrato, que deverá ser assinado e enviado até a concessionária novamente.

Execução da obra

A concessionária executará a melhoria de rede necessária para atender o empreendimento. Depois disso, é possível solicitar a vistoria da entrada de energia.

Pedido de vistoria da entrada de energia

Depois de todo o processo de melhoria de rede executada, e quando toda a entrada de energia estiver executada no seu empreendimento, o responsável técnico pela execução dessa entrada. Ele deverá solicitar a vistoria do quadro de medição, novamente usando o número de protocolo do projeto aprovado, que vimos anteriormente. Esta solicitação deve ser feita pelo sistema da PEP, anexando a ART de execução da entrada de energia.

Ligação

Depois que a vistoria é deferida pela concessionária, o medidor provisório do canteiro de obras será desligado e o número de unidade consumidora desse medidor, irá para o medidor do condomínio.

Com isso o processo está encerrado!

Depois de entregue as chaves, cada morador deve ir até a Celesc e pedir uma ligação nova para o seu apartamento, pois agora a Celesc já tem todas as informações do quadro de medição no sistema e tudo ocorrerá sem problemas.

Esperamos ter esclarecido todas as dúvidas a respeito deste processo para obter a ligação de energia definitiva. Comente abaixo para sabermos o que acharam deste artigo.

Se precisar de ajuda neste processo, entre em contato com a Thórus Engenharia. Somos especialistas em projetos de instalações prediais para edifícios.

Quer ficar por dentro das novidades da construção civil?

Assine nossa newsletter e seja o primeiro a receber nossos conteúdos

No comment yet, add your voice below!


Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *